Há exatos 10 anos, bitcoin era negociado por menos de um centavo

Ao levar em consideração as primeiras negociações de Bitcoin, é possível notar pedidos de 6100 bitcoins por 20 dólares. Hoje este mesma quantia vale 57 milhões de dólares, um aumento de 221.428.400%.

Siga no
Bitcoins. Imagem: quoteinspector.com

Se atualmente o Bitcoin é considerado o ativo digital mais importante do gigantesco mercado de criptomoedas, foi graças a sua longa trajetória. Nesta quinta-feira (07), a moeda digital completa 10 anos do seu primeiro dia de negociação.

Na época, o ativo digital valia apenas 0,003 dólares (R$ 0,0017). O bitcoin teve uma exponencial trajetória de valorização, chegando aos 20 mil dólares em 2017, e estando hoje na casa dos 50 mil reais.

Nos últimos 10 anos, muitas coisas mudaram com relação a criptomoeda. De fato, hoje muitas pessoas se arrependem de não ter comprado Bitcoin em 2010, ou mesmo nos anos seguintes.

Até 2015, o ativo digital não tinha atingido um valor realmente substancial, apesar de na época já valer 250 dólares. Com o passar do tempo o volume de negociação da criptomoeda foi se tornando cada vez maior, o que tornou muitos investidores visionários realmente milionários.

A data não está sendo passada em branco. O famoso perfil de análise do Twitter, Crypto Bull, compartilhou um gráfico de negociação da criptomoeda há 10 anos atrás.

Ao levar em consideração as primeiras negociações de Bitcoin, é possível notar pedidos de 6100 bitcoins por 20 dólares. Hoje este mesma quantia vale 57 milhões de dólares, um aumento de 221.428.400%.

A consolidação de um mercado além do bitcoin

Algo que chama a atenção ao olhar esta trajetória de 10 anos do Bitcoin não foi apenas o preço desta e de outras criptomoedas que mudaram drasticamente. Toda a estrutura do mercado sofreu mudanças significativas, visto que hoje existem mais de 6 mil criptomoedas disponíveis para negociação.

Junto com o surgimento de diversas corretoras, há diferentes formas de realizar negociações com criptomoedas. Novos recursos permitem aos investidores especular os preços dos ativos digitais sem precisar possui-los de fato.

Existem companhias de peso que são responsáveis por este tipo de movimentação. Vale destacar também que cada vez mais empresas de todos os segmentos trabalham com foco no uso de ativos digitais como o bitcoin.

E durante estes 10 anos, também é preciso voltar as atenções para as políticas de regulação de criptomoedas feitas por diversos países.

Assim, várias nações trabalham em seus próprios ativos digitais, como a China. A Venezuela já inseriu um token em seu território em uma tentativa de conter a alta contínua da inflação, e os EUA começa a discutir a possibilidade de uma versão digital para os dólares norte-americanos. Sem dúvidas, muitas coisas avançaram nesta década.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Jeferson Scholz
Jornalista. Escrevi dois artigos acadêmicos publicados no congresso de comunicação INTERCOM, e fui diretor do documentário universitário "Planeta dos Desmortos - O Mito Zumbi".

Bitcoin ganha novo impulso de alta e supera US$ 34 mil, entenda

O Bitcoin continua a se recuperar de sua queda no início da semana após várias empresas darem sinais que estão correndo para apostar no...
dolar rasgado e Bitcoin. Imagem: ShutterStock

Valor total de transações com bitcoin em 2021 deve superar PIB dos EUA

Pela primeira vez em menos de sete meses, o volume total de transferências com bitcoin ultrapassou US $ 15,8 trilhões. Como resultado, o volume...
CEFI vs DEFI

DeFi vs CeFi: Finanças Centralizadas vs Finanças Descentralizadas

Finanças descentralizadas (DeFi) são uma das fatias mais cobiçadas da indústria de blockchain hoje, mas a ideia em si tem origens muito mais humildes. Na verdade,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias