Homem compra carro com bitcoins falsos e acaba preso

Embora as informações não deixem claro como o esquema funcionou, pode se tratar de moedas da rede de testes do Bitcoin, ou então de algum fork sem valor.

Um turco de 38 anos, que não teve seu nome revelado, está sendo acusado de comprar um carro usando bitcoins falsos. O golpe aconteceu na Rússia e foi descoberto pelas autoridades que detiveram o suspeito rapidamente.

Segundo informações da mídia russa, o processo criminal já foi encaminhado para os tribunais e agora o turco aguarda julgamento. O golpe está avaliado em 5 milhões de rublos russos, cerca de R$ 280.000.

Conhecida por ser o lar de diversos mineradores, a Rússia é um dos grandes países que possui uma relação de amor e ódio com o Bitcoin. Enquanto tenta forçar seus cidadãos a abandonarem as criptomoedas, também vê nelas uma saída para contra as sanções americanas.

Turco tenta passar a perna em russo, enviando bitcoins falsos em troca de carro, mas fraude é descoberta

O caso envolvendo a transação de um carro por bitcoins falsos aconteceu em Novorossiisk. Tal cidade da Rússia já é conhecida por outros crimes envolvendo criptomoedas, como exemplo, no ano passado um sequestro com pedido de resgate em Bitcoin acabou em morte na região.

Em relação ao caso mais recente, a mídia russa conta que um golpista turco instalou um aplicativo no celular da vítima, afirmando que ele seria uma carteira para onde os bitcoins seriam enviados em troca seu carro.

No entanto, os bitcoins eram falsos, ou seja, não possuíam nenhum valor. Embora as informações não deixem claro como o esquema funcionou, pode se tratar de moedas da rede de testes do Bitcoin, ou então de algum fork sem valor.

Outra suposição é que o golpista teria acesso às chaves privadas de tal carteira, subtraindo a quantia após o êxito na negociação.

O carro em questão estaria avaliado em 5 milhões de rublos russos (R$ 280.000) e foi transferido para a mulher do golpista turco, que segundo informações não tinha conhecimento do golpe. Após fecharam o negócio, o golpista levou o veículo para outro estado.

Ao perceber que sua carteira não continha nenhum bitcoin, a vítima russa entrou em contato com as autoridades locais, que conseguiram localizar e deter o golpista em uma fronteira.

No momento, o turco encontra-se em um centro de detenção preventiva enquanto aguarda seu julgamento. No total, ele poderá pegar até 10 anos de prisão pelo golpe.

Por fim, embora negociar itens por criptomoedas como o Bitcoin seja algo fácil, é importante ter um mínimo de conhecimento para isso. De qualquer forma, o caso acima é bastante raro, ao contrário de outros golpes no setor.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias