Poloniex lista GRIN em sua plataforma

Uma das maiores exchanges a listar a altcoin!

Siga no

A gigante operação de criptomoedas Poloniex listou a Grin, em um movimento que coloca a mais nova altcoin em uma das maiores e mais antigas exchanges do mundo.

A criptomoeda Grin vem sendo admirada por grandes entusiastas de criptomoedas, por vezes até maximalistas de Bitcoin, sendo uma aposta de escalabilidade e privacidade a ser testada com o protocolo mimblewimble.

Com isso a Poloniex anunciou a adoção desta cripto a sua plataforma de trades no último dia 14 de fevereiro, colocando essa altcoin em uma operação mainstream.

E não é só isso, pois, a Poloniex parece estar interessada no futuro dessa moeda e vai destinar 50% das taxas de trades para o Fundo Geral Grin no primeiro mês após a listagem.

Do mês 2 até o 12 após a listagem vai destinar 25% das taxas, incentivando ainda mais o desenvolvimento da moeda para o futuro por 12 meses.

Neste apoio, a exchange diz esperar um desenvolvimento sólido do projeto, como “auditorias de segurança contínuas, campanhas de desenvolvedores, recompensas de bugs, desenvolvimento de código aberto do projeto Grin ASIC e empreendimentos gerais que fortaleçam o ecossistema Grin”. Será avaliado o progresso nos próximos 12 meses.

A exchange, que pertence a Circle, anunciou que por hora os depósitos e trades estão liberados e os saques irão começar em questão de semanas.

A Poloniex disse ainda que como a Grin opera de uma maneira diferente de outras criptomoedas, tomou medidas para facilitar o armazenamento e uso para trades desta nova moeda.

De acordo com um outro post da Poloniex, chamou atenção da exchange o fato de não ter havido ICO e os desenvolvedores estarem anônimos no projeto até o momento. Além disso, só há recompensas de moedas com a mineração da Grin com placas de vídeo, tornando este projeto “único”.

Onde comprar Grin?

Para comprar Grin, que é uma moeda que foi ao ar em janeiro de 2019, os traders além da Poloniex tem como opções operações como as menos famosas BitForex, Bibox, CoinEgg, BigONE, MXC, TradeOgre, Bisq e as também mais conhecidas Bittrex e Kucoin.

A listagem da Grin na Bittrex aconteceu no último dia 08 de fevereiro e na data do mesmo ainda não estava habilitado os saques, apenas depósitos e trades.

Não custa lembrar que exchange não é wallet e que a Grin só possui carteira oficial para ambiente Linux via linha de comandos, exigindo um pouco mais de conhecimento de computação para guardar em um local mais seguro.

*Aviso Legal: O Livecoins não dá conselhos de compra de criptomoedas e nem de cadastros em exchanges, estude muito bem antes de investir seu dinheiro em moedas digitais.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Fundador Mercado Livre

Fundador do Mercado Livre investe em corretora de criptomoedas

O fundador e CEO do Mercado Livre, Marcos Galperin, participou de uma rodada Série B de investimentos na fintech Ripio, que captou cerca de...

Meu pai viúvo de 68 anos está enviando bitcoins para uma mulher que conheceu...

As interações em redes sociais sempre devem ser realizadas com atenção, principalmente com desconhecidos. Um tipo de golpe bem comum são os emocionais, em...
Nicholas Nassim Taleb

Nassim Taleb sobre queda do Bitcoin: “Não é proteção contra nada”

Nassim Nicholas Taleb é um famoso economista e autor de livros como A Lógica do Cisne Negro, Antifrágil e Arriscando a Própria Pele. Taleb,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias