Maior gestora de ativos de Israel investe US $ 100 milhões em Bitcoin

A empresa agora tem US $ 150 milhões em criptomoedas, mas seus executivos não estão descartando a opção de adquirir mais criptomoedas.

Siga no
Altshuler Shaham
Altshuler Shaham

Altshuler Shaham, a maior empresa de gestão de ativos e seguros de Israel, investiu US $ 100 milhões em Bitcoin através do fundo de investimentos em criptomoedas da Grayscale (GBTC). O investimento foi feito quando a moeda digital era negociada na faixa de 21 mil dólares.

A empresa mais que dobrou seu investimento inicial. Com o preço do Bitcoin sendo negociado agora na faixa dos US $ 55.000, o retorno sobre o investimento da empresa é próximo a 160%.

“Nosso investimento de US $ 100 milhões se tornou US $ 200 milhões e dos US $ 200 milhões já vendemos cerca de um terço”, disse Gilad Altshuler, co-CEO e fundador da empresa. “Este é um novo investimento para nós. Demorou alguns meses até que obtivéssemos todas as aprovações relevantes.”

De acordo com a mídia local, a Altshuler Shaham, que administra mais de US $ 50 bilhões em ativos, investiu no GBTC no segundo semestre do ano passado, tornando esse investimento em Bitcoin cerca de 0,3% de seus ativos totais.

A empresa se tornou a primeira israelense conhecida publicamente a comprar Bitcoin, enquanto a tendência de adoção institucional aparentemente se expande para além dos Estados Unidos.

Altshuler Shaham

Fundada em 1990, a Altshuler Shaham é uma das maiores casas de investimento de Israel, administrando cerca de US $ 50 bilhões em ativos de longo prazo para fundos de aposentadoria e pensão.

A empresa agora tem US $ 150 milhões em criptomoedas, mas seus executivos não estão descartando a opção de adquirir mais criptomoedas.

“Depende do preço. Ficamos um pouco intimidados com a velocidade com que o Bitcoin atingiu esses preços, com sua capitalização de mercado global ultrapassando a marca de US $ 1 trilhão, e isso nos preocupou um pouco , comentou Shaham, coproprietário da Altshuler.

Além de comprar Bitcoin, a empresa mostrou interesse em algumas altcoins, de acordo com uma fonte familiarizada com o assunto:

“A Altushler tem um departamento de ativos alternativos que possui Ethereum e Bitcoin. Ele foi ativo no passado e agora está estudando o setor novamente.”

Investimento institucional

Desde que a MicroStrategy deu o primeiro passo em direção ao Bitcoin em meados do ano passado, outras grandes empresas seguiram a iniciativa, incluindo a Tesla, que este ano anunciou o investimento de US $ 1,5 bilhão na criptomoeda.

O interesse crescente parece estar aumentando entre empresas do mundo todo, marcando um ponto de virada para a indústria de criptomoedas.

Recentemente a empresa chinesa Meitu, que está listada na Bolsa de Valores de Hong Kong, comprou mais de US $ 17 milhões em Bitcoin e mais de US $ 22 milhões em Ethereum.

Nesta semana também a norueguesa Aker criou uma nova subsidiária especializada em investimentos em criptomoedas que já adquiriu US $ 58 milhões em Bitcoin.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.

Alta do Dogecoin criou 1.351 novos milionários no mundo

A alta recente da criptomoeda Dogecoin transformou mais de 1300 pessoas em novos milionários. A moeda disparou mais de 40.000% em um intervalo de...

Próxima queda do mercado cripto será brutal, alerta “Cobra”, dono do bitcoin.org

O mercado de criptomoedas é cheio de altos e baixos, ao longo de 12 anos os investidores viram períodos de altas constantes, chamados de...

O ouro físico está perdendo espaço para o ouro digital

Nos últimos dias, Neel Kashkari, presidente do banco central americano, disse que não ficaria surpreso se a taxa de inflação nos Estados Unidos subissem...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias