Banco da Dinamarca quer proibir que funcionários negociem Bitcoin

Banco já foi acusado de lavagem de dinheiro!

-

Siga no
Bitcoin proibido - Área Fechada
Bitcoin proibido - Área Fechada
Anúncio

A semana começou com polêmica de um dos países nórdicos em relação às criptomoedas. Isso porque um Banco da Dinamarca quer proibir os seus funcionários de realizar trades com Bitcoin. O banco quer a proibição mesmo no tempo livre dos funcionários.

Banco da Dinamarca vai proibir trade de Bitcoin com aval da Justiça

O Banco da Dinamarca Nordea Denmark, proibiu que seus funcionários façam trade com Bitcoin desde 2018. A política da empresa, proíbe que seus funcionários invistam em Bitcoin ou quaisquer outras criptomoedas.

Além disso, não é proibido manter as criptomoedas adquiridas antes da norma interna da empresa de 2018. Contudo, o Banco encorajou seus funcionários a vender todas as suas posses.

Anúncio

Cabe o destaque que o que motivou essa nova atitude do banco foi o risco financeiro que as criptomoedas possuem. De acordo com o Banco da Dinamarca, as criptomoedas não seriam regulamentadas.

Em outro ponto, foi afirmado que o Bitcoin e demais criptomoedas podem ter sido utilizadas em muitos crimes. Com isso, o Nordea afirmou que os funcionários são proibidos de realizar trades com Bitcoin, sob risco de demissão, mesmo no tempo livre deles.

Associação dos Funcionários de Instituições Financeiras processou banco pela medida

O sindicato dos funcionários do setor financeiro, Finansforbundet, não gostou nada de saber da nova política interna do Nordea. Para o presidente do sindicato, os trabalhadores devem ter direito de realizar os investimentos que quiserem.

Entramos com uma ação por causa do princípio de que todos obviamente têm uma vida privada e o direito de agir como uma pessoa particular.

Neste processo, o Nordea Bank colocou a disposição da justiça todas as comunicações que proibiam seus funcionários de realizar os trades de Bitcoin. Com isso, a justiça da Dinamarca deu parecer favorável ao banco.

Dentre os pontos observados pelos juízes, estariam recomendações da FSA da Dinamarca. Além disso, diretrizes de instituições financeiras da Europa também davam precedentes para a cautela com Bitcoin. Dentre as principais preocupações estariam o financiamento de terrorismo e lavagem de dinheiro.

Ao dar o resultado do processo, o Tribunal do Trabalho afirmou que o banco possui razão ao proibir seus funcionários de realizar trade com Bitcoin. Como se trata de uma instituição financeira, a cautela é importante.

Neste contexto, o Tribunal do Trabalho não encontra qualquer base para anular o poder discricionário que a Nordea Denmark deve tomar na avaliação dos riscos atuais, entre outros, conflitos de lealdade e o significado operacional resultante para o banco de proibir os funcionários de fazer investimentos privados em criptomoeda.

Em resumo, o sindicato dos trabalhadores perderam a causa, tendo ainda que pagar por eventuais custas processuais de DKK 5,000 (R$ 3,000) em até 14 dias após a decisão do último dia 2 de dezembro.

Criptomoedas são negociadas para clientes do banco, que foi acusado de lavagem de dinheiro em 2019

De fato chamou atenção um Banco da Dinamarca proibir o trade de Bitcoin para seus funcionários. Entretanto, o banco já comercializou produtos financeiros relacionados à criptomoedas.

Além disso, em junho de 2019 o Nordea Bank foi perseguido pelas autoridades financeiras da Dinamarca. O motivo: há suspeitas que a instituição lavava dinheiro de empresas russas.

lavagem de dinheiro investigada pelo Governo da Dinamarca, pode ter acontecido entre 2005 e 2017. Além disso, teria sido lavado quase £1 bilhão dentro do Nordea Bank.

Finalmente, os funcionários do banco Nordea Bank, estão proibidos de comprarem criptomoedas e Bitcoin. De acordo com a Bloomberg, o Nordea está “livre para censurar” seus funcionários, com aval da justiça dinamarquesa.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
FinCEN Files

Documentos vazados revelam que bancos lavaram R$ 10 trilhões em dinheiro ligado a crimes

Mais de 2.100 documentos secretos da FinCEN, Rede de Combate a Crimes Financeiros dos EUA, foram vazados e os detalhes desses arquivos trazem informações...
Europa (União Europeia e Bitcoin)

Europa vai regulamentar Bitcoin até 2024, apontam documentos

Segundo documentos vazados para a imprensa, a Europa vai regulamentar o Bitcoin até 2024 em todos os países membros do bloco. O tema ganhou...
Cristo Redentor, símbolo no Brasil (Rio de Janeiro), e Bitcoin (BTC Blockchain)

Brasil desenvolve com blockchain uma identidade descentralizada

O Brasil caminha rumo às novas tecnologias e já desenvolve com uso da blockchain um novo projeto. Chamada de identidade descentralizada, a solução promete...

Últimas notícias

Europa vai regulamentar Bitcoin até 2024, apontam documentos

Segundo documentos vazados para a imprensa, a Europa vai regulamentar o Bitcoin até 2024 em todos os países membros do bloco. O tema ganhou...

Brasil desenvolve com blockchain uma identidade descentralizada

O Brasil caminha rumo às novas tecnologias e já desenvolve com uso da blockchain um novo projeto. Chamada de identidade descentralizada, a solução promete...

Polícia desarticula sequestro que pedia Bitcoin pelo resgate de mulher

Um sequestro de uma mulher no Ceará, que pedia R$ 1 milhão em Bitcoin como resgate, foi desarticulado pela polícia civil em 12 horas....