Buscas por Bitcoin no Google duplicaram na última semana

Maior buscador do mundo!

-

Siga no
Buscas por Bitcoin no Google duplicaram na última semana
Fonte: Google / Acesso em 06 de abril de 2019

A maior ferramenta de buscas na internet é o Google, e certamente a empresa é referência no auxílio aos usuários que precisam de informações. Na última semana, o Bitcoin teve um grande destaque nos trends de pesquisas.

O Bitcoin (BTC) passou por uma forte valorização, isso pode ter influenciado nas buscas. A maior criptomoeda do mundo valorizou mais de 20% em apenas uma semana.

Isso fez com que investidores e estudantes do mercado buscassem por informações na web. Pelo Google, a taxa de pesquisas dobrou no período.

Google Trends apresentou dados ainda não consolidados

A ferramenta que mede o impacto das pesquisas realizadas na ferramenta é o Google Trends. Por lá, no período de 31 de março a 06 de abril, os dados ainda não foram consolidados.

Entretanto, mesmo com a falta de alguns dados a taxa de pesquisas dobrou em relação ao último período de apuração.

Durante o período de 24 a 30 de março o Bitcoin teve uma taxa de 41 nos Trends do mundo todo. Contudo, no período que acompanhou a alta de preços do BTC a taxa foi de 81, mesmo com dados incompletos.

Fonte: Google Trends / Acesso em 06 de abril

Comunidade de criptomoedas comemorou a marca

O fundador da Morgan Creek, Anthony Pompliano, comemorou em seu Twitter. Para este entusiasta, seis fatores marcaram a semana, que são:

  1. Um comprador levou o BTC acima de U$ 5 mil
  2. Buscas no Google triplicaram para “Bitcoin”
  3. SEC publicou uma orientação sobre tokens
  4. Binance está chegando em Singapura
  5. Mais de 40 bancos centrais estão analisando a tecnologia blockchain
  6. Finalmente, o Bitcoin não morreu.

Em resposta a Pompliano, o CEO da Binance CZ disse que o gatilho para um novo bull market foi apertado. Além disso, o mesmo acredita que muito dinheiro irá entrar no mercado.

Pesquisas sobre Bitcoin no Brasil batem máxima do ano

Se as pesquisas sobre Bitcoin no mundo chegaram a marca de 81, então o Brasil é um dos países que se destacaram.

A taxa do Brasil de buscas no período foi de 100, esta que é a taxa máxima de pesquisas avaliadas pelo Trends.

Em outras palavras, a marca faz com que no país, nos últimos 12 meses, o Bitcoin tenha chegado ao topo histórico de buscas. Finalmente, esse dado reforça que a comunidade brasileira de criptomoedas está forte e atenta ao mercado.

Isso é importante porque o Google está aos poucos reforçando sua participação na criptoeconomia. Novas ferramentas têm sido lançadas, e aos poucos o mercado segue crescendo.

Saiba tudo sobre:
Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Presidente da Unick, Leidimar

Presidente da Unick desiste de Defensor Público

O presidente da Unick Forex, Leidimar Bernardo Lopes, havia conseguido na justiça um defensor público. Agora, o líder de um dos maiores golpes usando...

O que se sabe até agora sobre o ataque hacker no Twitter

Ontem, por volta das 16h, os perfis do Twitter de dezenas de empresários e políticos - como Barack Obama, Elon Musk e Bill Gates...
Elon Musk, CEO da Tesla e Bitcoin

Elon Musk, Bill Gates e Jeff Bezos não pediram Bitcoin

Alguns dos maiores bilionários do planeta tiveram sua imagem associada ao Bitcoin na última quarta (15). Em um movimento pelo Twitter, Elon Musk, Bill...