G44 Brasil é multada em R$ 750 mil pela CVM

Siga no
Foto: Divulgação/CVM

A CVM (Comissão de Valores Mobiliários) multou em R$ 750 mil a G44 Brasil, empresa que afirma trabalhar com criptomoedas e Forex. O motivo é a oferta irregular de contratos de investimento coletivo.

Os empresários Joselita de Brito Escobar e Saleem Ahmed Zaheer, proprietários do negócio, também devem arcar com o prejuízo.

A condenação – divulgada em julgamento realizado na terça-feira (9) – é o desfecho de um processo administrativo sancionador aberto pela CVM para investigar a empresa.

Além da multa, a autarquia também pediu para o MPF (Ministério Público Federal) abrir uma ação civil pública para averiguar o caso, já que há indícios de crimes contra a economia popular e contra o mercado financeiro nacional.

Vale lembrar que o Ministério Público do Distrito Federal e a Polícia Civil já estão na cola do negócio desde o final do ano passado.

G44 Brasil oferecia rendimentos de 12% ao mês

A G44 Brasil, sediada em Taguatinga (DF), captava dinheiro de forma ilegal e oferecia rendimentos fixos de até 12% ao mês em cima do capital aportado. Esse lucro seria supostamente obtido por meio de investimentos em criptomoedas e Forex.

Em seu site, a empresa também afirma atuar com mineração de ouro e esmeraldas.

Desde o final do ano passado, no entanto, a G44 Brasil começou a atrasar os pagamentos dos investidores. Em novembro, os sócios do negócio anunciaram a paralisação das atividades, mas garantiram que iriam pagar todo mundo. Não foi isso que ocorreu.

Por causa dos atrasos e das promessas não cumpridas, centenas de processos foram abertos em Brasília e em outros estados.

CVM versus G44 Brasil

A briga entre CVM e G44 Brasil começou no início de 2018, depois de denúncias feitas por investidores. Na época, a empresa vendia contratos de investimento coletivo

“Os investimentos na G44 seriam feitos mediante a aquisição de uma cota de participação em troca do recebimento de ‘PLR de acordo com o valor da cota’. Havia quatro tipos de ‘cotas de participação’, com valores distintos de investimento, ganho diário (entre 0,40% e 0,65%) e rendimento mensal médio (entre R$79,20 e R$1.287,00). O pagamento de rendimentos seria feito via cartão de crédito internacional”, segundo relatório da CVM.

Ainda em 2018, a autarquia abriu um processo administrativo para investigar o caso e determinou a cessação das atividades da G44 Brasil. Para tentar driblar a autarquia, a empresa chegou a alterar os termos dos planos de investimentos oferecidos, mas não deu muito certo.

No julgamento da terça-feira, o diretor da CVM, Gustavo Machado Gonzalez, estipulou a multa de R$ 750 mil, que deve ser dividida entre a empresa e os dois proprietários.

“Nesses termos, voto: a) Pela condenação de G44 Brasil S.A. à penalidade de multa pecuniária de R$250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais) por infração ao § 1º do artigo 19 da Lei no 6.385/1976; b) Pela condenação de Joselita de Brito Escobar à penalidade de multa pecuniária de R$250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais) por infração ao § 1º do artigo 19 da Lei n o 6.385/1976; c) Pela condenação de Saleem Ahmed Zaheer à penalidade de multa pecuniária de R$250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais) por infração ao § 1º do artigo 19 da Lei n o 6.385/1976.”

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Lucas Gabriel Marins
Jornalista desde 2010. Escreve para Livecoins e UOL. Já foi repórter da Gazeta do Povo e da Agência Estadual de Notícias (AEN).
Vista do teatro AMC Empire em Manhattan cinema Bitcoin

“Paguem com qualquer criptomoeda, mas por favor, voltem aos cinemas”, diz maior rede de...

A rede de cinemas AMC, a maior do mundo no setor, já anunciou anteriormente que pretende aceitar Bitcoin na compra de ingressos para os...
Imagem de Dólar e Bitcoin fundos

Criador de Fundo de Hedge com Bitcoin é condenado a sete anos de prisão

O criador de dois fundos de hegde com Bitcoin, Virgil Sigma e do VQR, que operavam em Nova Iorque, foi condenado pela justiça dos...

“Bitcoin salvará as pessoas da cultura do cancelamento”, diz New York Times

James Poulos, um dos colunistas convidados do New York Times, publicou no famoso veículo de notícias um ensaio onde explica como o Bitcoin pode imunizar...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias