Playboy lança coleção de NFTs

A Plaboy está seguindo a tendência do mercado, hoje os NFTs com maior volume de negociação contém milhares de exemplares de avatares, como é o caso do CryptoPunks, Bored Ape Yacht Club, Mutant Ape Yacht Club e CryptoKitties.

A Playboy, conhecida pelas suas revistas de entretenimento, aderiu a moda dos NFTs e está lançando a sua própria coleção. Ao todo serão 11.953 artes únicas emitidas em Ethereum.

Esta não é a primeira aposta da empresa em trabalhar com tokens não-fungíveis (NFTs), desde maio deste ano a Playboy tem trabalhado com artistas para eternizar as suas artes na blockchain e negociá-las de forma aberta.

A entrada de players renomados, tanto no setor da arte quanto no próprio Bitcoin, está sendo o melhor exemplo de que está tecnologia veio para ficar. Empresas que demorarem para entender a demanda do público por ativos digitais poderão ficar para trás nesta corrida.

Evolução tecnológica

Os negócios da Playboy sofreram muito com a evolução da tecnologia, tendo a empresa encerrado a impressão de suas revistas em 2020 nos EUA devido a mudança causada pela internet.

Todavia a empresa parece continuar participando da cultura global ao explorar as novas tendências que estão surgindo graças ao Bitcoin e a expansão dos casos de uso da blockchain.

Desde o início deste ano a Playboy está trabalhando com NFTs, trabalhando com artistas para criar peças únicas. A mais cara até o momento foi leiloada por 250 mil dólares, cerca de 1,4 milhão de reais.

NFT da Playboy imitando o símbolo do Ethereum. Fonte: SuperRare

A popularização dos NFTs não está ligada apenas em imagens, seu uso também envolve o registro de domínios de forma descentralizada, bem como jogos que utilizam esta tecnologia para criar uma nova economia para gamers, este último é mais popular que o próprio Bitcoin entre brasileiros.

Rabbitars

A última coleção, a ser lançada em dois dias, é inspirada no seu ícone, o lendário “coelinho da Playboy”. Ao contrário das coleções anteriores, que apresentaram poucas artes, esta coleção chamada de Rabbitars conta com 11.953 NFTs.

Rabbitars da Playboy. Fonte: Playboy

A Plaboy está seguindo a tendência do mercado, hoje os NFTs com maior volume de negociação contém milhares de exemplares de avatares, como é o caso do CryptoPunks, Bored Ape Yacht Club, Mutant Ape Yacht Club e CryptoKitties.

Assim como o Bitcoin está vendo a entrada de vários players do mercado tradicional em seu mercado, este novo mundo dos NFTs também está chamando a atenção de ícones da nossa cultura. Com isso, é esperado que a tecnologia blockchain e as criptomoedas tornem-se cada vez mais comuns em nossas vidas.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.
Mulher segurando smartphone com aplicativo do banco Bradesco e Rio de Janeiro ao fundo

Líder de empresa que desapareceu com criptomoedas de investidores acusa gerente do Bradesco de...

Uma gerente de uma agência do Bradesco está sendo acusada de aprovar um falso empréstimo para um líder de uma empresa de criptomoedas que...
Transação de bitcoin próxima de pizza

Bitcoin pizza day é celebrado por cervejaria brasileira

O celebrado dia das duas pizzas trocadas por bitcoin em 2010 está quase completando 12 anos, ainda que a oferta complete nesta quarta seu...

Vitalik Buterin abre o coração: “quero que o Ethereum se torne mais parecido com...

Abrindo seu coração para o público, Vitalik Buterin expôs algumas contradições que ainda vivem em sua cabeça. A maior delas é o seu desejo...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias