Valor dos contratos futuros do Bitcoin atinge máxima histórica

Embora o BTC tenha subido, os apostadores na queda (ainda) não estão com a corda no pescoço

Siga no

O valor dos contratos futuros do Bitcoin atingiu máxima histórica de US$ 7,5 bilhões neste 16 de dezembro. Isso inclui as exchanges de derivativos BitMEX, CME, Binance, OKEx, entre outras.

Vale lembrar que isso inclui tanto os contratos perpétuos, aqueles que não expiram, além dos contratos mensais e trimestrais. De qualquer forma, o número é muito significativo frente aos US$ 5,2 bilhões diários negociados nas exchanges convencionais.

Futuros Bitcoin Dez 2020
Futuros Bitcoin Dez 2020

Qual a principal diferença do contrato futuro?

Primeiramente, não dá para sacar ou resgatar contratos futuros, pois representam uma aposta entre as duas partes. Em seguida, é possível operar alavancado, ou seja, depositar US$ 500 e comprar o equivalente a US$ 5 mil em contratos futuros.

A vantagem é que numa alta de 5% você ganha 50%, ou seja, alavancagem de 10 vezes. No entanto, se cair 3% você perde 30%. Além disso, as taxas de corretagem são cobradas pelo valor total da ordem.

Existe um risco maior agora que atingimos a máxima?

Sim, quanto maior o número de contratos futuros em aberto, maiores as chances de grandes liquidações forçadas movendo o mercado. Ou seja, os grandes players e arbitradores acompanham os dados de alavancagem, forçando o preço até derrubar os investidores.

A última vez que isso ocorreu foi em 26 de novembro, quando o Bitcoin cedeu para US$ 16.344 em queda de 16%, causando zeragens superiores a US$ 1 bilhão nos contratos futuros.

Futuros só causam liquidação na queda?

Não, embora este seja um mito muito comum. Na alta de 11% em 22 de outubro, por exemplo, US$ 360 milhões em contratos futuros de quem apostava na queda (shorts) foram liquidados.

Na verdade tudo depende do nível de alavancagem de cada um dos lados. O valor dos contratos apostando na alta (longs) é sempre igual, a todo momento, dos shorts. Nesse sentido, para entender qual lado tem maior risco de liquidação, deve-se acompanhar a taxa de carrego (funding rate).

Taxa de carrego sinaliza que mercado está otimista

Essa taxa usualmente é cobrada a cada 8 horas, portanto o valor que você vê no gráfico deve ser multiplicado por 20 vezes para estimar a taxa semanal. Ou seja, quando o indicador mostra 0,20%, a taxa semanal é de aproximadamente 4%.

Lembrando que valores positivos indicam que os longs, apostadores da alta, é que pagam a taxa. No caso de taxas negativas, indica que os shorts, apostadores na queda, é que estão demandando mais margem, portanto pagam a taxa de carrego.

BTC Funding Rate
BTC Funding Rate

Taxas entre 0% e 0,10%, equivalente a 2% na semana, são consideradas normais. Em resumo, podemos concluir que há um certo equilíbrio na alavancagem entre compradores e vendedores de contratos futuros.

Isto indica que embora o BTC tenha subido, os apostadores na queda (ainda) não estão com a corda no pescoço. Deste modo, concluímos que o risco de liquidações é baixo no momento.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Marcel Pechman
Marcel Pechman
Atuou como trader por 18 anos nos bancos UBS, Deutsche e Safra. Desde Mai/2017 faz arbitragem e trading de criptos, além de ser co-fundador do site de análise de criptos RadarBTC. Palestrante do Bitcoin Summit Florianópolis 2019
Corretora Brasileira Mercado Bitcoin

Mercado Bitcoin contrata JPMorgan e prepara IPO

O Mercado Bitcoin, maior corretora de criptomoedas do Brasil vai seguir os planos da americana Coinbase e começou a se preparar para abrir capital...

Imóveis nos EUA são vendidos acima do preço ofertado

A Redfin, agente imobiliário listado na bolsa Nasdaq, informou que o mês de março foi recorde nas 400 regiões metropolitanas em que atua. Na...
Gráfico do Bitcoin com preço em crescimento alta

Bitcoin renova máxima história e supera US $ 63 mil

Na manhã desta terça-feira (13), o preço do Bitcoin ultrapassou a marca de 63 mil dólares pela primeira vez na história . A criptomoeda...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias