Wyoming pode aceitar Bitcoin como dinheiro

Estado dos EUA se posicionando!

Siga no

Um dos primeiros estados dos EUA a se posicionar de forma positiva sobre o assunto do Bitcoin, o Wyoming entra no roll de paraísos para os criptoativistas?

Wyoming é uma dos estados dos EUA mais extensos de território, e ao mesmo tempo um dos menos populosos, com o censo de 2017 apontando para cerca de 579 mil habitantes. O estado passa a ser o segundo a aprovar formalmente o Bitcoin como dinheiro, após a entrada de Ohio no último mês de novembro de 2018.

Mas o Wyoming que ir além, e talvez se tornar uma referência como é hoje a Ilha de Malta ou a Estônia, com leis flexíveis a respeito das criptomoedas.

O estado pretende tornar-se um refúgio para as empresas de criptomoedas e blockchain, posicionando-se como ‘voltado para o futuro’ e ‘responsivo’ às necessidades da crescente indústria.

Como disse o senador Ogden Driskill, do 1º Distrito de Wyoming, “A legislação, tomada em conjunto, faz do Wyoming o Vale do Silício da Blockchain e Criptomoedas da nação e, possivelmente, do mundo”.

A Coinbase retornou ao estado em 2018 após um tempo sem operar no mesmo, e no último dia 12 de janeiro dois projetos de leis foram aprovadas para regulamentar o mercado no território.

De acordo com um relatório da Forbes, a nova legislação do estado tem animado os investidores de criptomoedas, principalmente por reconhecer o Bitcoin como dinheiro e com status legal, e reconhecendo de uma vez as transações peer-to-peer.

Outra parte do novo projeto que pode vir a ser aprovado, é que bancos podem custodiar e supervisionar ativos digitais, tornando-os legais no estado. Tokens criptográficos poderiam ser tais ativos digitais.

Nos EUA o assunto ainda está em debate, mas que se aprovado em um dos 50 estados uma legislação amigável pode impactar no restante. Tal fato já aconteceu com a legislação relacionada a Cannabis no país, do qual estados foram aprovando o uso mesmo contra as leis do governo federal que ainda não possui um posicionamento claro sobre o tema.

O que anima mais é saber que um estado da maior economia do mundo está olhando com carinho para o assunto, principalmente quando governos perseguem em outros locais as criptomoedas.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Bitcoin regulação. Imagem: ShutterStock

Reguladores correm contra o tempo para regular criptomoedas

Após mais de uma década da criação do Bitcoin e do desdenho do governo, o setor de criptomoedas se tornou grande demais para ser...
Corretora de criptomoedas do BTG Pactual

BTG Pactual divulga vaga de emprego para sua corretora de criptomoedas

O BTG Pactual publicou a primeira vaga de emprego para sua corretora de criptomoedas que será lançada em breve no Brasil. Chamada Mynt, o anúncio...
Joe Biden. (Imagem: Wikimedia)

Biden planeja indicar crítica de criptomoedas para Gabinete Controlador da Moeda

Joe Biden, presidente dos EUA, planeja nomear Saule Omarova, professora de direito que publicamente se demonstrou ser contra as criptomoedas, para comandar o Escritório...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias