CEO da BlackRock acredita que bitcoin impacta status de reserva do dólar

Moeda norte-americana pode perder força no mundo com as moedas digitais, apontou Larry Fink.

Siga no
Bitcoin e dólar amassado
Bitcoin e dólar amassado

O CEO da BlackRock, Laurence Douglas Fink, acredita que o bitcoin impacta o dólar americano como reserva. De acordo com ele, as criptomoedas chegaram para ficar no mercado financeiro global.

Considerada a principal empresa de gestão de ativos do mundo, a BlackRock tem sede em Nova Iorque (EUA). A empresa investe em 100 países atualmente, sendo investidora do Brasil desde 2008.

Nos últimos anos, contudo, o CEO da BlackRock, Larry Fink, criticou muito o bitcoin. Para ele, o a moeda digital não passava de um “índice para a lavagem de dinheiro”.

A mudança de opinião de um gigante CEO acontece em meio a onda de adesão institucional à moeda digital. De acordo com a Forbes, Larry foi considerado o 28.º homem mais poderoso do mundo em 2018.

CEO da BlackRock acredita que o bitcoin impacta o status de reserva do Dólar no mundo

A moeda norte-americana, o dólar, é a principal divisa fiduciária do mundo atual. Ao lado do euro, é considerada uma das melhores em reserva de valor. Ou seja, um investidor ao se expor ao dólar poderia manter seu patrimônio no longo prazo.

Contudo, em 2020 o Banco Central dos EUA, o FED, imprimiu dólar com vontade. Cerca de 22% de toda a emissão de dólar foi criada apenas em 2020, ou seja, despejou papel colorido no mercado.

O movimento foi visto com ceticismo por muitos investidores dos EUA. Dessa forma, cada vez mais bilionários passaram a comprar bitcoin, como Paul Tudor Jones, por exemplo. O banco JPMorgan, antes um crítico, passou a apoiar a criptomeoda também.

Na última terça-feira (1), o CEO da BlackRock, Larry Fink participou de um simpósio online. Chamado de “A economia global: rumo a um inverno sombrio?“, Larry deu sua opinião.

De acordo com ele, uma moeda digital tem a total capacidade de tornar o dólar mais fraco. Essa visão pode fazer com que o bitcoin, por exemplo, torne o dólar irrelevante no médio para longo prazo.

Essa foi a segunda vez em menos de 30 dias que alguém da BlackRock endossa o bitcoin. No mês de novembro, o diretor de investimentos da BlackRock falou que a moeda digital poderia até substituir o ouro.

Leia também: Maior gestora de ativos do mundo: “Bitcoin chegou para ficar, pode substituir o ouro”

Bilionários cada vez mais presentes na comunidade Bitcoin

Os bilionários pelo mundo continuam a escalar sua jornada rumo ao bitcoin em 2020. Como apontado pelo Livecoins30 bilionários possuem bitcoin, mas não falam sobre isso, revelou um milionário do Twitter.

Com a fala de Larry Fink, CEO da maior empresa de gestão de ativos do mundo, o bitcoin ganha novamente destaque. Mesmo com o crescimento do interesse na moeda digital, a adoção institucional pode ainda nem ter começado de verdade.

De acordo com Mira Christanto, citando dados do analista Willy Woo, para cada dólar investido há um impacto de $ 6 visto no bitcoin (6x). Ou seja, caso os investidores institucionais já tivessem chegado, o preço do bitcoin hoje seria de U$ 57 mil cada.

No Brasil, com a cotação do dólar em R$ 5,23 nesta quarta (2), o bitcoin poderia valer quase R$ 300 mil.

A previsão de preço do bitcoin mostrada no estudo dos entusiastas, contudo, foi apenas uma simulação e não há garantias que a moeda alcance esse valor em breve. De qualquer forma, com a ampla adoção de governos e bilionários, o cenário não é impossível.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Debate Descentralizado: stablecoins podem impactar outras criptomoedas

As stablecoins são possivelmente um dos pilares do mercado de criptomoedas atualmente. O USDT, por exemplo, é usado como medidor de demanda por investidores....
Trade na Uniswap baleia

Criador da Uniswap quer melhorar negociações de baleias Ethereum

Hayden Adams, o criador da Uniswap quer implementar uma melhoria para as negociações de baleias de Ethereum. Um estudo está sendo feito em conjunto...
US Marshals na vigilância do telhado bitcoin

Polícia americana contrata empresa para armazenar bitcoins apreendidos

A polícia dos Estados Unidos quer guardar os bitcoins apreendidos em operações e para isso, contratou uma empresa especializada, a Anchorage Digital. De acordo com...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias