Justiça determina que Facebook tire do ar post que associa Hinode à Unick Forex

É direito de todo e qualquer indivíduo manifestar seu pensamento ou opinião, mas a liberdade de expressão não é absolua, diz Justiça.

-

Siga no
Justiça determina que Facebook tire do ar post que associa Hinode à Unick Forex
Reprodução

A Justiça de São Paulo determinou que o Facebook remova um post que associa a Hinode – empresa de cosméticos que atua no modelo de marketing multinível – a empresas investigadas por prática de pirâmide financeira, como Unick Forex e 18kRonaldinho.

Além da remoção do conteúdo, publicado no perfil do Instagram piramide_dadepressao, a Justiça também solicitou que a rede social forneça os dados dos usuários responsáveis pela postagem.

O Facebook tem 15 dias para contestar a decisão liminar.

O que diz a postagem que associa a Hinode à Unick Forex?

O post foi publicado no dia 1º de maio pelo perfil pirâmide_dadepressao. Nele, o autor afirma que, por causa da pandemia do coronavírus e das medidas de distanciamento social, é preciso ficar a um metro de distância de outras pessoas.

No caso de “pirâmideiros”, no entanto, o ideal é que as pessoas mantenham uma distância de pelo menos 10 metros deles, escreveu o responsável pela publicação.

Uma das supostas pirâmides para manter distância, ainda segundo o perfil, é a Hinode.

Post colocava Hinode como Pirâmide
Post colocava Hinode como Pirâmide

“Muito cuidado com quem oferece dinheiro fácil por aí, pode estar entrando em uma grande fria #operaçãofaraó #piramidefinanceira #siladabino #fiqueemcasa”, consta ainda na publicação.

Juiz diz que liberdade de expressão não é absoluta

Na decisão liminar que determinou a retirada do post, o juiz Renato Acacio de Azevedo Borsanelli, da 2.ª Vara Cível do Foro Central Cível de São Paulo, disse que é direito de todo e qualquer indivíduo manifestar seu pensamento ou opinião, assim como garante a Constituição Federal.

No entanto, disse ele, a liberdade de expressão – como qualquer outro direito fundamental – não é absoluta e não pode ser utilizada para atacar a honra de outras pessoas e empresas, especialmente de forma anônima.

“Assim, considerando que o conteúdo da publicação em questão extrapola a livre manifestação, pois oculta sob o anonimato (o que viola o disposto no artigo 5º, IV, da Constituição Federal), reputo presentes os requisitos autorizadores da tutela provisória de urgência e o faço para determinar à Ré, que no prazo de 48 horas, forneça os dados de cadastro disponíveis do(s) usuário(s) da conta”, escreveu na decisão.

Hinode é pirâmide?

Não há investigações que apontem a Hinode como pirâmide financeira.

A empresa, fundada em São Paulo em 1988, atua com marketing multinível. Nesse modelo de negócio – legal no Brasil – a pessoa não é remunerada apenas por vender produtos, mas também por convencer outros a participar do projeto.

Avon, Herbalife e outras empresas conhecidas atuam com marketing multinível. Por outro lado, o modelo também é usado por supostos esquemas fraudulentos, como Unick Forex, GenBit, 18k Ronaldinho, Midas Trend e dezenas de outros.

A Unick Forex, por exemplo, é acusada de pirâmide financeira e crimes contra o sistema financeiro nacional. O esquema, montado no Rio Grande do Sul, movimentou R$ 29 bilhões de forma ilegal. Cerca de 1,5 milhão de pessoas foram lesadas.

Unick Leaks
Unick Leaks

Além da associação entre marketing multinível e pirâmides financeiras, o modelo de negócios também é “manchado” porque entidades que defendem a categoria estão envolvidas com supostos esquemas fraudulentos.

Qual a diferença entre marketing multinível e pirâmide financeira?

O marketing multinível é uma prática legal no Brasil. Empresas que atuam com base nesse modelo ganham principalmente com a venda de produtos. Nos Estados Unidos, por exemplo, existe uma regra que estabelece que 70% da receita deve ser proveniente da venda.

De acordo com a ABEVD (Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas), o modelo de marketing multinível – também conhecido como venda direta – estaria presente em 100 países.

Por outro lado, as pirâmides financeiras ganham só com a adesão de novos membros. Além disso, esses esquemas, que são proibidos por lei, não oferecem produtos com valor comercial. Com o tempo, essa prática não se sustenta e a estrutura desmorona, deixando os participantes sem grana.

Saiba tudo sobre:
Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Lucas Marins
Lucas Marins
Jornalista desde 2010. Escreve para Livecoins e UOL. Já foi repórter da Gazeta do Povo e da Agência Estadual de Notícias (AEN).
Poupança

Idoso colocou poupança em criptomoeda

O tema DeFi está em alta em 2020, com algumas inovações sendo destaque com criptomoedas ligadas a Ethereum. Chamou atenção nos últimos dias para...
Hacker. Imagem: Cortesia Pixabay

Hackers roubam R$ 9.2 milhões em ataque de 51% ao Ethereum Classic

Através de um ataque de 51% contra a rede do Ethereum Classic (ETC), hackers conseguiram fazer um gasto duplo de cerca de 238,306 ETC,...
Blockchain do Bitcoin descentralizada

Economista brasileiro acredita no Bitcoin como moeda

Para um economista brasileiro, que acredita na tecnologia do Bitcoin, o BTC é mais que um ativo. De acordo com ele, ao cumprir a...