MicroStrategy compra mais US $ 15 milhões em Bitcoin

A MicroStrategy foi uma das primeiras grandes empresas a anunciar compra de Bitcoin com suas reservas, o que influenciou outras companhias a fazerem o mesmo.

Siga no

Nesta segunda (5), o CEO da MicroStrategy, Michael Saylor, anunciou a compra de mais 15 milhões de dólares em Bitcoin pela companhia. Com a nova compra, a empresa chega a ter mais de 91 mil bitcoins em posse, acumulando um lucro de mais de 3 bilhões de dólares.

Desde agosto de 2020 a MicroStrategy vem comprando bitcoins de forma estratégica para alocar capital, isso faz parte de um plano da empresa para evitar inflação.

MicroStrategy e Bitcoin

Michael Saylor detém cerca de 24% da ações da empresa, mas controla mais de 70% do poder de votação. Seu interesse por Bitcoin se uniu com as decisões empresariais e, em agosto de 2020, a companhia passou a ser a primeira empresa listada na bolsa que possuía aquisições em Bitcoin como uma forma de estratégia.

Em uma entrevista à imprensa, Saylor afirmou:

“Esse investimento reflete nossa crença de que o bitcoin, como a criptomoeda com maior adesão no mundo, é uma reserva de valor dependente e um ativo atrativo de investimento com mais apreciação a longo prazo do que apenas possuir dinheiro.”

Michael Seylor, CEO MicroStrategy, Olhos a laser
Michael Seylor, CEO MicroStrategy, Olhos a laser

No total, a empresa gastou US $ 475 milhões comprando Bitcoin em 2020. Ao todo, somando as compras de 2020 e 2021, até agora, a MicroStrategy já investiu um total de 2,2 bilhões de dólares em Bitcoin.

Com a cotação atual da moeda próxima de 60 mil dólares, a companhia possui 5,4 bilhões de dólares em Bitcoin, acumulando um lucro de mais de 3 bilhões em relação ao que foi investido.

A MicroStrategy foi uma das primeiras grandes empresas a anunciar compra de Bitcoin com suas reservas, o que influenciou outras companhias a fazerem o mesmo.

Inclusive, Saylor, que tem se tornado um dos maiores defensores do Bitcoin, já admitiu nas redes sociais que havia ajudado Elon Musk na decisão da Tesla alocar os 1,5 bilhão de dólares em Bitcoin. Saylor parabenizou Musk pela decisão.

Com tantos investimentos institucionais ao longo dos últimos meses, o Bitcoin vem ganhando força e notoriedade nunca vistos em anos anteriores. Nesse mercado todos se dão bem, tanto as grandes empresas, que viram suas ações e lucros aumentarem em pouco tempo, bem como os investidores comuns.

O próprio Michael Saylor já havia falado, em uma entrevista para a revista TIME, que os investimentos institucionais em Bitcoin que vem acontecendo por empresas como a MicroStrategy, Tesla e Square, são apenas a “ponta do iceberg” para a entrada de outras instituições.

Uma onda positiva no mercado cripto vem crescendo e, tudo indica, que é apenas o começo para uma longa caminhada de adoção em massa.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Eduarda Lobato
Eduarda Lobatohttps://medium.com/@eduardalobato
Libertária e entusiasta de Bitcoin, Blockchain e outras tecnologias relacionadas ao mundo cripto.

Dogecoin passa banco Itaú, Santander e Bradesco em valor de mercado

Dogecoin, a criptomoeda feita como uma piada, surpreendeu o mundo após disparar 150% em poucas horas e ser negociada por um valor recorde de...

Pelé terá coleção NFT na plataforma Ethernity

Edison Arantes do Nascimento, conhecido mundialmente como Pelé, é o mais famoso jogador de futebol da história e é um grande ícone para os...

Rothschild investe R$ 26 milhões em Ethereum

A Rothschild Investment adquiriu mais de 265.302 ações da Grayscale Ethereum Trust, marcando seu primeiro investimento em Ethereum, o ativo digital nativo da plataforma...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias