Pirâmides financeiras fizeram preço do Bitcoin cair, diz analista

Motivo pelo qual entusiastas de bitcoin odeiam pirâmides financeiras número 110.446

Depois de valorizar mais de 100% em 2019 e chegar a um valor de R$ 58 mil no final de junho, o Bitcoin perdeu mais de 50% de seu valor, chegando a ser negociado por R$ 30 mil em novembro. Desde então, a moeda digital não conseguiu se recuperar da baixa e está sendo negociada em torno de US $ 7 há um bom tempo.

De acordo com Travis Kling, fundador da Ikigai Asset, a razão pela qual o preço do Bitcoin não está subindo, mesmo que as previsões sejam “extremamente otimistas”, é a pressão de venda gerada por dois dos maiores esquemas de pirâmide que o mercado de criptomoedas já viu.

Segundo o renomado gestor de fundos, dois esquemas de piramide estão impedindo o bitcoin de um impulso de alta. Segundo Kling, os dois esquemas são a Plus Token Wallet e a conhecida OneCoin, ambas estão continuamente queimando milhões de dólares em Bitcoin no mercado. E isso pode levar os preços ainda mais para baixo.

Pirâmides despejam mais de 1 bilhão em bitcoin no mercado

O site CryptoSlate informou em Novembro que os autores do golpe PlusToken estavam inundando o mercado de criptomoedas com bitcoins roubados. Um único endereço havia liquidado mais de 22.000 BTC (R$ 668.518.488,00 ) em apenas um mês, aproximadamente 1.100 BTC ( R$ 33.425.924,00 ) por dia. Isso representa apenas 11,8% dos 187.000 BTC que a PlusToken tem sob posse.

Fundadora da OneCoin
Fundadora da OneCoin

Da mesma forma, a conhecida OneCoin conseguiu convencer mais de 3 milhões de pessoas em todo o mundo a investir o equivalente a R$ 20 bilhões. O número de criptomoedas sob posse da quadrilha ainda é desconhecido, assim como sua fundadora, a “rainha das criptomeodas”, Ruja Ignatova.

O analista sustenta que essas pirâmides despejando bitcoin no mercado desempenha um grande papel na queda do preço da moeda digital.

É muito provável que essas pirâmides com muitos fundos em bitcoin continuem vendendo suas criptomoedas ao longo de 2020. Isso pode fazer com que o preço do Bitcoin caia ainda mais.

Quedas de preços relacionadas com grandes movimentos de vendas de bitcoin no mundo das criptomoedas não são nada de novo. Ainda este ano o Livecoins noticiou que uma baleia movimentou um bilhão de dólares em Bitcoin, numa transação que segundo os analistas acabou por ir para um corretora e levou a uma queda de 15% no preço do Bitcoin.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Últimas notícias