Bitcoin valorizou cerca de 165% nos últimos três meses

Histórico dos últimos meses do Bitcoin.

-

Siga no
Anúncio

Segundo apurou um estudo realizado pela CoinGecko, o Bitcoin teve uma extrema valorização nos últimos meses. Isso porque, apenas nos últimos três meses, o Bitcoin valorizou cerca de 165% em relação ao Dólar (USD).

Chama atenção, entretanto, que os traders que compraram Bitcoin no mês de junho podem estar com prejuízos. Certamente, uma característica do Bitcoin é a volatilidade, que pode ser mal interpretada por iniciantes do criptomercado.

Bitcoin valorizou cerca quase 200% nos últimos meses

O Bitcoin (BTC) é uma moeda digital que tem passado a ser conhecida no mundo todo. Em 2019, o presidente dos EUA, Donald Trump, colaborou com essa descoberta ao atacar o Bitcoin. Outro motivo que tem atraído olhares atentos é a criação da criptomoeda do Facebook, a já famosa Libra.

Anúncio

Com tanta atenção dada pela mídia mundial, o Bitcoin ganhou luz e tem refletido essa descoberta em seus preços. Isso porque, de abril até o mês de junho de 2019, o Bitcoin valorizou 165% conforme apurou a CoinGecko.

No primeiro dia de abril de 2019, o Bitcoin valia apenas U$ 4,103 nas corretoras de criptomoedas. Entretanto, no dia 30 de junho, o Bitcoin chegou a valer U$ 10,888. Certamente esse cenário resume bem o movimento parabólico do Bitcoin, que é algo “normal” no criptomercado.

Fonte: CoinGecko Report 2019-Q2

Cabe o destaque que o anúncio da Libra do Facebook no dia 18 de junho antecedeu uma grande valorização do Bitcoin. No ano de 2019 até a data de escrita deste, o maior valor negociado do Bitcoin foi de U$ 13,387, no dia 26 de junho.

Bitcoin continua em alta para quem comprou antes do anúncio da Libra

O criptomercado teve uma imensa entrada de capital com o anúncio da Libra. Além disso, apenas os traders que compraram Bitcoin antes deste anúncio é que ainda estão com lucros. Isso porque, com o anúncio da Libra, criptomoeda do Facebook, os preços do Bitcoin subiram. Desde esse movimento, os preços não recuaram abaixo dos U$ 9,195, cotação do dia 18 de junho de 2019.

Cabe o destaque que, no momento da escrita deste, o Bitcoin se valoriza hoje pouco mais de 1% nas últimas 24 horas. O Bitcoin em relação ao Dólar vale cerca de U$ 9,549 por unidade.

https://livecoins.com.br/coin-market-cap-capitalizacao-de-mercado-criptomoedas/

Entretanto, para quem comprou Bitcoin no 28 de junho, 30 dias antes deste, o cenário ainda é de prejuízos. Naquele dia o Bitcoin chegou a ser cotado a cerca de U$ 12,383 por unidade. Com isso, um trader que entrou recentemente no mercado já poderia ter perdido cerca de 22%. Para Joseph Young, esses mergulhos de preços servem para testar a resiliência dos investidores.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Leia mais

Leia mais sobre:

Últimas notícias

Grupo Bitcoin Banco não pagou comissões para ex-funcionária

O Grupo Bitcoin Banco não pagou o que deve a uma série de clientes que investiram em criptomoedas utilizando essa corretora. Os funcionários do...

Campanha presidencial de Trump é atacada por golpistas de criptomoeda

Na reta final para as eleições nos EUA o site oficial da campanha de Donal Trump foi atacado por um grupo de hackers que...

Por que a CME mudou o jogo do Bitcoin em 2020

Chicago Mercantile Exchange (CME) é a maior bolsa de derivativos do mundo. Dentre seus produtos estão os contratos futuros e opções de petróleo, soja,...