Braço direito de presidente da GenBit toma calote de R$ 1 milhão da empresa

Samuel Pinato era o responsável por organizar os eventos onde líderes da GenBit prometiam lucros surreais de 15% ao mês

-

Siga no
Samuel Pinato era responsável por organizar eventos do Grupo Tree Part. Foto: Jornal Tree Part

Samuel Pinato, da Dilejd Gestão Integrada de Negócios, foi contratado pelo Grupo Tree Part em dezembro de 2018. O empresário, que virou o braço direito do presidente do conglomerado, Nivaldo Gonzaga, ficou a cargo de desenvolver estratégias comerciais para a empresa.

Era Pinato, por exemplo, que organizava e promovia aqueles eventos onde líderes do negócio publicizavam os supostos ganhos de 15% ao mês em cima do capital aportado. O trabalho de Pinato foi inclusive citado em memorando da CVM (Comissão de Valores Mobiliários).

Pinato, no entanto, tomou um calote do Grupo Tree Part, que controla a exchange GenBit. O valor da dívida é de cerca de R$ 1 milhão, conforme notificação extrajudicial a qual a reportagem do Livecoins teve acesso.

A defesa de Pinato informou que ele não presta mais serviços para a GenBit. O Grupo Tree Part foi contatado, mas não respondeu até o momento.

Grupo firmou contrato de R$ 1 milhão

O contrato de prestação de serviço entre o Grupo Tree Part e Pinato previa quatro fases. Na primeira, o empresário faria um estudo detalhado de todas as áreas do negócio, como comercial, administrativo, desenvolvimento humano, entre outros.

Na segunda fase, ficou acordado que ele desenvolveria o conceito do grupo e orientaria na montagem das estruturas do negócio. Na terceira, ele implantaria processos, como os eventos para atrair investidores. Já na quarta fase, criaria o plano de negócios do conglomerado.

Pela parceria, o grupo de Nivaldo Gonzaga se comprometeu a pagar a “bagatela” de R$ 650 mil. Além desse valor, Gonzaga combinou que depositaria outros R$ 400 mil para Pinato pelos serviços que envolveram a organização das palestras.

Grupo Tree Part pagaria com veículos, diz defesa

Conforme a notificação extrajudicial, a empresa de Nivaldo Gonzaga reconheceu a dívida com Pinato e se comprometeu a pagá-la com veículos. No entanto, o Grupo Tree Part afirmou em processo que os carros da empresa haviam sido bloqueados, o que supostamente impossibilitou o pagamento.

“(…) empresa NOTIFICADA, através da forma de pagamento descrita no termo de confissão de dívida, não honrou com o pactuado, pois os veículos foram bloqueados em virtude ações judiciais distribuídas em todo o país, o qual inviabilizou a transferência dos veículos (…)”, diz trecho da notificação.

Falta de pagamento afeta subsistência de Samuel e outros sócios, diz defesa

No processo, a defesa de Pinato informou que teve que enviar notificação extrajudicial por causa da falta de pagamento. “Não obstante ser originário de uma relação comercial amistosa, a falta de pagamento culminou no desfecho desta notificação extrajudicial para forçar o cumprimento da responsabilidade assumida”, diz trecho.

No documento, o advogado também disse que a falta do dinheiro está afetando a vida do braço direito de Nivaldo Gonzaga e dos outros sócios dele, pois o valor devido tem “natureza inclusive de caráter alimentar, pois trata-se de subsistência dos sócios que desempenharam seus esforços em prol da empresa notificada”.

Qual a situação da GenBit?

O Grupo Tree Part (Gensa Serviços Digitais), dono da GenBit, responde a mais de 400 processos judiciais só na Justiça de São Paulo.

São ações de pessoas que venderam casas, usaram dinheiro da rescisão trabalhista e até fizeram empréstimos para investir no negócio, que até o ano passado prometia rendimentos fixos de 15% ao mês por meio da Zero10 Club.

O grupo também foi alvo de uma ação civil pública do Ministério Público de São Paulo, que pediu o fechamento do negócio e o bloqueio de R$ 1 bilhão. A Justiça, em resposta ao processo, manteve o conglomerado aberto, mas determinou o bloqueio de R$ 800 milhões.

Mesmo no meio desse turbilhão jurídico, a empresa tenta fomentar o uso de seu Treep Token (TPK), uma “criptomoeda” com pouco valor de mercado. Com ela, é possível apenas comprar produtos e aimentos – a exemplo de sushis ou sapatos – com desconto de até 30%.

Histórico da Genbit

Genbit começa atrasar pagamentos

Genbit começa ser processada na justiça

Ministério Publico entra com ação contra Genbit, ação de 1 Bi

Polícia Civil investiga Genbit

Genbit diz onde está dinheiro dos clientes

Genbit quer pagar clientes com Sushi

Ex-ancião de igreja promoveu Genbit

Advogado quer varrer da Igreja líderes da Genbit

GenBit diz que sua criptomoeda é igual BAT e Tether

Justiça tenta bloquear 800 milhões da Genbit mas só encontra R$ 1.800

Presidente da GenBit fecha acordo de R$ 100 mil, “mas na hora de pagar desaparece com dinheiro”

Casal que perdeu R$ 45 mil em corretora pendura faixa na sede da empresa

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Lucas Marins
Lucas Marins
Jornalista desde 2010. Escreve para Livecoins e UOL. Já foi repórter da Gazeta do Povo e da Agência Estadual de Notícias (AEN).
Immuno Lynk é aplicativo feito com blockchain por brasileiros

Brasileiros vencem competição blockchain de combate ao COVID-19

O mundo busca maneiras de combater o COVID-19, que já deixa no Brasil um rastro de mais que 65 mil mortes. Com todo esse...
Câmara dos Deputados e Bitcoin (Projeto de Lei)

Projeto de lei pode ajudar na adoção do Bitcoin no Brasil

Um projeto de lei, proposto pelo Deputado Domingos Sávio (PSDB-MG), pode ajudar na adoção do Bitcoin no Brasil. Isso porque, na visão do deputado,...

Elon Musk nega rumores sobre uso da Ethereum

Elon Musk é um nome muito importante atualmente, responsável por algumas das empresas mais populares no mercado (Tesla e SpaceX). Recentemente vários rumores afirmaram...