Juiz diz ser inútil pedido contra GenBit, “não tem dinheiro”

Empresa é acusada de dar golpes em clientes!

Siga no
Placa de clientes pede que GenBit devolva dinheiro sócio
Placa de clientes pede que GenBit devolva dinheiro

A corretora de Bitcoin Genbit, que possui sede em Campinas (SP), não tem dinheiro, segundo um juiz, é inútil o bloqueio de suas contas. Um processo recente aberto por um cliente pedia que a justiça congelasse os bens em contas bancárias da empresa.

Os últimos meses têm sido de aflição para os clientes da GenBit, que é acusada em vários processos judiciais de operar uma fraude. Inclusive, em decisão da CVM, a empresa é proibida de operar no Brasil desde 2019.

Nos últimos dias, uma empresa que prestava serviço para a Genbit pediu sua falência. Os problemas só aumentam na medida em que o tempo passa, com a responsabilidade da empresa em honrar seus compromissos ficando cada vez mais em uma situação delicada.

Sede da Genbit era em Campinas
Sede da Genbit era em Campinas

Genbit não tem dinheiro em contas, “inútil bloquear”, afirmou juiz em decisão

A corretora de Bitcoin, Genbit, é acusada de ter arrecadado pelo R$ 1 bilhão de seus clientes. Em uma ação aberta pelo Ministério Público, foi estimado que pelo menos 45 mil pessoas teriam sido lesadas pela Genbit.

Com promessas de rendimentos aliados ao Bitcoin, a empresa mostrou problemas em honrar os pagamentos mensais aos clientes. Quando os processos começaram a chegar na justiça, a situação foi ficando cada vez mais complicada.

Em buscas nas contas bancárias dos donos da Genbit e da própria empresa, nenhum dinheiro tem sido encontrado. Essa situação motivou uma decisão judicial, publicada nessa segunda (13).

Conquanto seja plausível a alegação da parte autora de que foi vítima de estelionato, porque reconhecido pela CVM que a atividade exercida pelas rés era ilegal, é inútil deferir o arresto eletrônico pretendido, pois já evidenciado em processos anteriores que elas não mantêm mais ativos financeiros em contas bancárias.

Em decisão, o juiz apontou que é inútil bloquear as contas da empresa, uma vez que não há dinheiro no local. Apesar disso, o juiz deu decisão favorável para que eventuais veículos encontrados sejam transferidos para o cliente. Caso o cliente encontre imóveis no nome dos donos, o juiz dará a chance de arresto.

Vaso Sanitário da sede da Genbit
Vaso Sanitário luxuoso da sede da Genbit

Genbit criou token para resolver situação para clientes, porém, nada mudou

Para pagar e dar uma satisfação aos clientes, foi criada uma criptomoeda pela Genbit chamada TreepToken. A empresa afirmou que a tecnologia da moeda era promissora.

Contudo, quase nenhuma empresa aceita a moeda da Genbit, ou seja, para os clientes, nada foi resolvido. Além disso, a Genbit chegou a dizer que sua moeda era semelhante ao Tether ou BAT, mas não conseguiu empolgar os clientes.

Em outro ponto, um cliente recorreu na justiça que queria receber em dinheiro, pois a moeda TreepToken não teria valor. De fato, apesar dos esforços da Genbit em promover sua moeda, ninguém vê valor nela.

Genbit Treep Token
Genbit Treep Token

Nas contas dos líderes da Genbit, decisões judiciais têm buscado fazer pesquisas, entretanto, sem resultados. Por fim, desde o final de 2019 a justiça afirma que as contas da Genbit estão sem dinheiro.

Confira o histórico da GenBit:

Genbit começa atrasar pagamentos

Genbit começa a ser processada na justiça

Ministério Publico entra com ação contra Genbit; ação é de 1 bi

Polícia Civil investiga Genbit

Genbit diz onde está dinheiro dos clientes

Genbit quer pagar clientes com Sushi

Ex-ancião de igreja promoveu Genbit

Advogado quer varrer da Igreja líderes da Genbit

GenBit diz que sua criptomoeda é igual BAT e Tether

Justiça tenta bloquear 800 milhões da Genbit, mas só encontra R$ 1.800

Presidente da GenBit fecha acordo de R$ 100 mil, “mas na hora de pagar desaparece com dinheiro”

Casal que perdeu R$ 45 mil em corretora pendura faixa na sede da empresa

Braço direito de presidente da GenBit toma calote de R$ 1 milhão da empresa

Corretora usava “coach que chora em palco” para atrair investidores

Corretora deverá devolver dinheiro de cliente que não aceita criptomoeda

GenBit pede mais tempo para tentar valorizar sua moeda fictícia

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Rússia pode reconhecer criptomoedas como propriedade

A Rússia tem uma história bem conturbada com relação as criptomoedas, desde projetos de lei que pretendiam criminalizar os ativos até a proposta de...

Justiça manda bitcoin.org revelar quantos bitcoins brasileiro tem

A justiça do Estado de São Paulo expediu um ofício ao Bitcoin.org, considerado o site oficial do Bitcoin no mundo todo. O caso aconteceu...
BlackFriday-Bitcoin

Bitcoin com 20% de desconto na Black Friday

O bitcoin estará à venda com desconto nesta Black Friday, quando se espera que bilhões sejam gastos em todos os tipos de produtos e...

Últimas notícias

Justiça manda bitcoin.org revelar quantos bitcoins brasileiro tem

A justiça do Estado de São Paulo expediu um ofício ao Bitcoin.org, considerado o site oficial do Bitcoin no mundo todo. O caso aconteceu...

Bitcoin com 20% de desconto na Black Friday

O bitcoin estará à venda com desconto nesta Black Friday, quando se espera que bilhões sejam gastos em todos os tipos de produtos e...

Por que o Bitcoin caiu $ 3.000 em poucas horas?

O Bitcoin não conseguiu superar seu preço histórico e caiu rapidamente de $ 19.500 para menos de $ 17.000. A moeda digital chegou enfrentar...