Temos que acreditar no TPK assim como o pai do Zezé Di Camargo e do Luciano acreditou na dupla, diz “porta-voz” da GenBit

De acordo com Pradella, a história de Zezé di Camargo e Luciano tem tudo a ver com o TPK. Isso porque, segundo ele, o pai da dupla - seu Francisco Camargo, 82 - teve que acreditar nos filhos e trabalhar muito para que eles alcançassem sucesso.

Siga no
Dupla Zezé Di Camargo e Luciano. Imagem/Facebook

A exchange GenBit faz de tudo para convencer seus investidores a acreditarem no TPK (Treep Token), criptomoeda sem valor que a empresa obrigou seus clientes a receber.

Dessa vez, a história da dupla sertaneja Zezé Di Camargo e Luciano foi usada para tentar incentivar os clientes da empresa – aqueles que perderam milhões e estão sem receber desde setembro – a divulgarem a moeda digital.

Quem relacionou a história dos cantores ao token, que no exterior ganhou o nome de TreepGlobal, foi o empresário Fabio Pradella. Ele tem feito a intermediação entre a GenBit e os investidores em um grupo no Telegram, atuando quase como um “porta-voz” informal da empresa.

Em nota enviada anteriormente ao Livecoins, ele disse que não tem relação com a GenBit e incentiva o TPK de forma “voluntária”.

Presidente da GenBit, Nivaldo Gonzaga, e o empresário voluntário Fabio Pradella. Reprodução/YouTube

O que Zezé de Camargo e Luciano tem a ver com o TPK?

De acordo com Pradella, a história de Zezé di Camargo e Luciano tem tudo a ver com o TPK. Isso porque, segundo ele, o pai da dupla – seu Francisco Camargo, 82 – teve que acreditar nos filhos e trabalhar muito para que eles alcançassem sucesso.

Para incentivar a carreira da dupla, por exemplo, seu Camargo comprava cerca de 500 fichas de telefone toda semana e pedia para os peões de Pinenópolis (GO) ligarem na rádio para pedir a música “É o amor”. O episódio foi retratado no filme Dois Filhos de Francisco.

Cartaz do filme “2 filhos de Fransico”. Imagem/Wikipedia

“Quem dera tivéssemos pessoas que nos incentivassem, encorajassem e acreditassem tanto em nós como fez o pai de Zezé Di Camargo e do Luciano”, disse Pradella, em um áudio divulgado no grupo TreepToken (Global Treep), no Telegram.

Pradella, que também afirma ser investidor da GenBit, foi ainda mais longe e disse que os investidores deveriam tratar o TPK como filho.

“Vocês, junto comigo, podem ser o pai desse token. A gente vai fomentar, divulgar e incentivar até que ele pegue corpo. Ou fazemos isso ou ele vai ficar conhecido por apenas algumas pessoas, com mísero valor. Mas ele pode se tornar muito valioso, e depende de você e de mim fazer essa fomentação”, disse.

Veja vídeo em que presidente da GenBit fala sobre o apoio voluntário de Pradella

Francisco Camargo não pegou dinheiro dos outros para divulgar filhos

O que Pradella não mencionou no áudio é que o pai da dupla sertaneja conseguiu transformar os filhos em sucesso nacional graças a esforço próprio e trabalho duro. Seu Francisco não “construiu” a dupla Zezé Di Camargo e Luciano com recursos de terceiros.

A GenBit, pelo contrário, criou sua criptomoeda com dinheiro captado de forma ilegal de centenas de investidores. Essas pessoas investiram na empresa porque acreditaram nas promessas de supostos lucros de 15% ao mês feitas por meio da antiga Zero10 Club.

É esse passado – que a GenBit e seus líderes tentam encobrir – que transformou a empresa em alvo de investigações da Polícia Civil de Campinas (SP) e do MPSP (Ministério Público de São Paulo) e gerou uma enxurrada de processos judiciais.

Confira o histórico da GenBit:

Genbit começa atrasar pagamentos

Genbit começa a ser processada na justiça

Ministério Publico entra com ação contra Genbit; ação é de 1 bi

Polícia Civil investiga Genbit

Genbit diz onde está dinheiro dos clientes

Genbit quer pagar clientes com Sushi

Ex-ancião de igreja promoveu Genbit

Advogado quer varrer da Igreja líderes da Genbit

GenBit diz que sua criptomoeda é igual BAT e Tether

Justiça tenta bloquear 800 milhões da Genbit mas só encontra R$ 1.800

Presidente da GenBit fecha acordo de R$ 100 mil, “mas na hora de pagar desaparece com dinheiro”

Casal que perdeu R$ 45 mil em corretora pendura faixa na sede da empresa

Braço direito de presidente da GenBit toa calote de R$ 1 milhão da empresa

Corretora usava “coach que chora em palco” para certamente atrair investidores

Corretora deverá devolver dinheiro de cliente que não aceita criptomoeda

GenBit pede mais tempo para tentar, de fato, valorizar sua moeda fictícia

Empresa de informática que tomou calote da GenBit pede falência na Justiça

GenBit não paga funcionários, corta plano de saúde e deixa colaboradores sem assistência em meio à pandemia do coronavírus

GenBit muda nome de sua “moeda fictícia”, tenta encobrir passado e cria nova suposta pirâmide

Juiz dá 48h para Genbit converter Token e pagar cliente

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Lucas Gabriel Marins
Jornalista desde 2010. Escreve para Livecoins e UOL. Já foi repórter da Gazeta do Povo e da Agência Estadual de Notícias (AEN).
Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil sobre criptomoedas e Bitcoin

Auditor da Receita Federal diz que volume de Bitcoin no Brasil dobrou em um...

O auditor fiscal da Receita Federal do Brasil Jonathan José Formiga de Oliveira disse que o volume de Bitcoin no Brasil apurado mensalmente, dobrou em...
Hacker e Bitcoin

Protocolo DeFi sofre ataque hacker e perde R$720 milhões

O protocolo de finanças descentralizadas Cream Finance sofreu um ataque que drenou 720 milhões de reais em tokens através de um ataque que utilizou...
Foto da Fachada da Prefeitura de Niterói

Niterói observa tecnologia blockchain, prestes a criar moeda digital

A cidade de Niterói é uma das que observa o potencial da tecnologia blockchain de perto, período em que também avalia criar uma moeda...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias